Boucing Pink Bow Tie Ribbon Letras Gregas: Resenha: Belo Desastre - Jamie Mcguire Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Resenha: Belo Desastre - Jamie Mcguire

Reações: 


Título: Belo Desastre
Autor: Jamie Mcguire
Editora: Verus
Páginas:389
ISBN: 9788576861911







*Para ver este livro no SKOOB click aqui: Belo Desastre.




Resumo: Abby Abernathy é aparentemente uma boa moça, se veste de forma comportada, e foi estudar numa faculdade bem longe de seu passado sombrio, com sua melhor amiga America. Travis Maddox, o suposto "bad boy" que pratica MMA nos porões das irmandades, e com a grana das apostas ganha a vida, corpo bombadinho, braços tatuados....Galinha insensível, que vive passando as noites cada dia com uma mulher, e que tira boas notas, e vai super bem na faculdade. ¬¬  Mora com um primo num apê, e numa noite louca de luta, Abby cruza com a vida de Travis, e daí começa um relacionamento conturbado. 

Resenha: EU NÃO GOSTEI DO LIVRO! Dei duas estrelas e meia porque a autora narra bem, a escrita flui... Mas os personagens são fracos, são inacabados, com pouca personalidade, o conjunto de acontecimentos são inacreditáveis, muitos diálogos são tolos e tocos. 
A Abby tem uma personalidade boba e infantil, e nenhum orgulho próprio, [claro, como sempre] e o Travis, [meu Deus!Que idiota!] Um neurótico, ciumento, possessivo, agressivo e revoltado, e os motivos para essa personalidade? Muito rasa, muito tola, boba demais. Durante o livro muitas cenas são, do Travis querendo bater em alguém por causa da Abby, ou batendo em alguém por causa da Abby, ou destruindo alguma coisa "por causa da Abby" isso tudo é ridículo, eu ficava esperando o momento em que ele iria bater na cara dela. Muitas pessoas gostaram do livro e gostaram do comportamento do Travis, que ele era o cara perfeito da combinação de sexy - misterioso - Bad boy com sensível - apaixonado - romântico - tudo de bom, e isso é possível? Ahh deve ser! [O.o]
Não é que eu não gosto do gênero, eu gosto, acontece que eu achei que a escritora exagerou na quantidade de cenas que exploram um mesmo adjetivo ou um sinônimo do mesmo, que em excesso, transforma o personagem em um "monstro", isso no caso masculino, se o autor explora muito de seu lado sensível ele torna o personagem muito afeminado, se ele explora de mais o lado possessivo, o torna um maniaco. Já a personagem feminina pode querer se aproximar da realidade, colocando defeitos e inseguranças, mas em exagero acontece o mesmo, torna aquilo quase irreal, como poderia existir uma pessoa que seja somente medo, ou insegurança, ou incerteza? Muitas vezes eu não entendia a personagem principal, muitas facetas  que foram mal trabalhadas, deixando todas mal acabadas, e no fim um personagem incompleto, ou no mínimo esquisito. A cada hora ela era de um jeito, mas apesar disso tudo, o maior defeito pra mim foi a falta de justificativa para o comportamento dos personagens principais, no final do livro surge um suposto esclarecimento, que é muito infantil e raso, não o suficiente, {is not enough}!!
 

0 comentários:

Postar um comentário

Gostaria muito de saber o que você achou da matéria, por favor deixe seu comentário, critica ou opinião! Podemos conversar sobre isso!!!
Comente! Comente! Comente! Comente! Comente! Comente! !!! *___*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Letras Gregas Copyright © 2010 Design by Ipietoon Blogger Template Graphic from Enakei