Resenha: Looking For Alaska - John Green [Quem é você Alasca]


Título: Looking For Alaska - EUA
Autor: John Green
Editora: Speak
Páginas: 256
ISBN: 9780142402511



*Para ver este livro no SKOOB click aqui:  Looking For Alaska - Quem é você Alasca




Resumo: Miles Halter é um garoto sem amigos, nerd que é fissurado por últimas palavras, vem decorando as últimas palavras de grandes personalidades, até ele ter conhecimento das últimas palavras do poeta François Rabelais - "great perhaps" [Grande talvez] Miles fica com esse pensamento na cabeça, e quer descobrir esse momento em sua vida, aventurar-se, buscar esse grande momento louco e inspirador. Pensando em ir atrás do "Grande Talvez" ele decide ir estudar em Culver Creek, e fazer tudo diferente. Lá ele divide o quarto com o Chip Martin - apelidado de Colonel, e no quarto ao lado, temos Alaska Young. A partir daí ele finalmente acaba fazendo amigos e pregando peças na escola! Agora o nerd sem amigos "Pudge" [Miles] Está no mundo de Alaska, uma garota inteligente, sexy, autodestrutiva e fascinante que vai leva-lo para os perigos de seu mundo e para o momento do GRANDE TALVEZ!
Resenha: "You spend your whole life stuck in the labyrinth, thinking about how you'll escape it one day, and how awesome it will be, and imagining that future keeps you going, but you never do it. You just use the future to escape the present." Alaska Young.


Eu gostei do livro, da escrita do John, tem passagens lindas, como essa que citei acima, muito bom mesmo, "Pudge" e seus amigos realmente nos intriga e nos fazem pensar, o interessante na história toda é que apesar de eu ter gostados dos personagens eu não aprovava tudo que eles faziam, e muitas vezes eu me via entre eles, sentada no chão enquanto eles fumavam!
Algumas coisas eu não achei legal, como o fato dos personagens serem um pouco estereotipados, fumam, bebem, aprontam, mas vão bem na escola, são bonzinhos, como se o que o faziam ser legais e descolados fossem porque eles fumavam, e isso os deixavam espertos e divertidos. 
Eu não gostei da Alaska, ela brincou com os sentimentos do Miles durante o livro todo, era óbvio que ela sabia que ele estava apaixonado, ela era mais experiente, e não só por isso ela não deixou de alimentar as esperanças dele, quando no meio do livro "explica" porque ela é tão inconsequente, eu não me senti tão mal por ela, na verdade, achei um pouco patético! Não consegui gostar dela. 
No final do livro Pudge escreve um recado para Colonel, e é lindo, é realmente muito tocante e eu adorei, o livro conta uma história e está cheia de filosofias e frases que nos fazem pensar. Provavelmente um livro que recomendo, e gostaria de discuti-lo com outras pessoas, seria divertido!

 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha: O Outro Lado da Meia Noite - Sidney Sheldon

Resenha: Divergente - Veronica Roth

Os 6 melhores livros que eu li em 2013!